Com foco no programa de sócios, diretoria celeste aumenta ingressos avulsos

Torcida celeste fez a diferença no Campeonato Brasileiro de 2013, mas, para o Mineiro, preços podem afastar a China Azul

Torcida celeste fez a diferença no Campeonato Brasileiro de 2013, mas, para o Mineiro, preços podem afastar a China Azul

A diretoria do Cruzeiro anunciou o aumento dos ingressos avulsos para o Campeonato Mineiro, que terá o mesmo valor praticado no Brasileirão 2013. Mesmo já tendo um dos bilhetes mais caros do Brasil em 2013, a diretoria optou pelo aumento dos preços. A medida, é claro, será mais sentida por aqueles que não aderiram ao Sócio do Futebol.

Quem não é sócio-torcedor, neste início de temporada, se quiser acompanhar o atual campeão brasileiro no Mineirão, pagando, no mínimo, R$ 50. Esse é o preço definido para a estreia cruzeirense no Mineiro contra a URT, no domingo, às 17h.

'O preço dos ingressos para o Campeonato Mineiro foi uma definição da diretoria, por todo o investimento que o clube fez no elenco nesta temporada', justificou Marcone Barbosa, diretor de marketing do clube, que garantiu ingressos ainda mais caros em outras competições. 'Certamente, para a Libertadores e o Brasileirão, os preços vão aumentar', disse Barbosa.

A diretoria do Cruzeiro garante que o aumento no preço dos ingressos não é uma estratégia para que o torcedor comum se torne Sócio do Futebol. No entanto, quem não optar pela adesão ao programa terá que desembolsar, no mínimo, R$ 300 nos seis jogos da Raposa na fase classificatória do Estadual em casa. Se o cruzeirense optar pela entrada mais cara (R$ 130), gastará o equivalente a R$ 780 para acompanhar jogos sem tanta expressão contra Villa Nova, Guarani, Minas Boca e Tupi.

O valor dos ingressos que a diretoria do Cruzeiro estipulou para jogos da equipe no Campeonato Mineiro supera o de outras agremiações brasileiras que mandam seus jogos em estádios similares ao Mineirão.

Comente a notícia: