Início Campeonatos Série B Cruzeiro vence Operário e Felipão estreia com vitória

Cruzeiro vence Operário e Felipão estreia com vitória

O Cruzeiro foi ao Paraná nesta terça-feira (20) para enfrentar o Operário, em partida válida pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Na estreia do técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, a equipe celeste começou a partida com novidades. O treinador optou pela entrada de Marquinhos Gabriel, Marcelo Moreno e Adriano, jogadores que não vinham jogando como titular por opção do técnico Ney Franco. A Raposa também teve a volta de Matheus Pereira após o jovem lateral se recuperar da Covid-19. Como desfalque, Manoel, diagnosticado com Covid-19, não foi a campo.

Do lado do Operário, oito jogadores com Covid-19 não jogaram, são eles: o zagueiro Reniê, os volantes Jiménez e Mazinho, o meia Cristhian Aguada e o atacante Schumacher. Esses cinco se juntaram ao volante Fábio e aos meias Rafael Chorão e Tomas Bastos, que já vinham afastados pela doença desde a rodada anterior. Os oito estão em isolamento.

Antes da partida realizada no estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa, o Cruzeiro ocupava a penúltima posição na tabela, com 13 pontos. A equipe mineira buscava um resultado positivo para subir na tabela e se afastar do Z-4. Já a equipe paranaense, com 22 pontos, na 10ª posição, tenta a vitória em casa para se aproximar do G-4.

Primeiro tempo

Na primeira etapa do jogo, aos 15 minutos, Régis deu um passe preciso para Arthur Caíke, que perdeu o gol no primeiro lance perigoso no jogo. Em seguida, Matheus Pereira recebeu cartão amarelo após fazer uma falta no meio-campo. Até os 30 minutos, o jogo foi de marcação forte de ambos os lados, com nenhuma oportunidade clara de gol. Aos 32 minutos, Marquinhos Gabriel tentou uma jogada individual mais ousada na área adversária, mas não conseguiu passar pelos defensores. Aos 36, em outra jogada individual, Marquinhos Gabriel ameaçou o gol adversário, mas novamente sem conseguir passar pela zaga do Operário. O time do Operário, com grande dificuldade de criação ofensiva, terminou o primeiro tempo somente com uma finalização e 42% de posse de bola. O Cruzeiro, superior em campo, teve 5 finalizações, mas nenhuma chance clara de abrir o placar.

O destaque no primeiro tempo foi para Ramon, que se mostrou seguro na zaga cruzeirense. Pelo lado da equipe de Ponta Grossa, Leandro Vilela foi o melhor em campo, fazendo dois desarmes e dois bons passes longos.

Segundo tempo

Nenhuma da duas equipe fez alterações no intervalo, voltando ambos os times com a mesma formação do primeiro tempo. A equipe do Cruzeiro voltou mais inoperante no segundo tempo. Nos primeiros 20 minutos, a Raposa teve uma boa chance em bola parada após Marquinhos Gabriel bater uma falta na entrada da área adversária. O goleiro Thiago pulou no canto e defendeu o belo chute do meia cruzeirense. Antes, o Operário teve duas jogadas de contra-ataque perigosas, mas na primeira o meia Thomaz chutou sem pontaria e na segunda Fábio encaixou a bola chutada pelo volante Marcelo. Após o lance de falta de Marquinhos Gabriel, o técnico Felipão fez a primeira substituição, trocando Régis por Airton. A melhor jogada do Cruzeiro até o momento da partida foi aos 23 minutos, quando Arthur Caíke recebeu um lançamento e cabeceou no canto, a meia altura, para a defesa difícil do goleiro Thiago. Aos 26, Felipão fez mais uma alteração. o meia Marquinhos Gabriel cedeu lugar ao jovem Maurício. Aos 28, o técnico Gerson Gusmão, do Operário, mexeu no time, fazendo logo duas alterações. Saíram Thomaz e Maranhão e entraram Diego Cardoso e Fabiano. Dos 30 minutos em diante, o jogo estava melhor para o Operário, que incomodou a defesa do Cruzeiro, com escanteio e falta, mas nenhum lance levou perigo de fato ao goleiro Fábio. Aos 39, Arthur Caíke abriu o placar com um chute de dentro da área após um bom passe de Airton. Aos 44, Arthur Caíke foi substituído por Jadson. Aos 46, Fábio salvou o Cruzeiro ao defender um chute cruzado de Bonfim, melhor lance do Operário no jogo. Depois, não houve mais chances de gols para nenhuma das duas equipes, e o jogo terminou com vitória a vitória de 1 a 0 para o Cruzeiro, que respira na competição.

Tabela

Com a vitória, o Cruzeiro foi a 16 pontos, mas continua no Z-4, agora na 17ª posição. O Operário completou sete partidas seguidas sem vencer.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Dados da partida

  • Data: 20/10/2020
  • Horário: 21h30
  • Local: Germano Kruger – Ponta Grossa-PR
  • Motivo: 17ª rodada do Campeonato Brasileiro – Série B
  • Resultado: Operário 0 x 1 Cruzeiro
  • Gols: Arthur Caíke (2ºT – 39)
  • Escalação do Cruzeiro: Fábio; Rafael Luiz, Ramon, Cacá e Matheus Pereira; Adriano e Jadsom; Marquinhos Gabriel (Maurício), Régis (Airton) e Arthur Caíke; Marcelo Moreno.
  • Escalação do Operário: Thiago Braga; Sávio, Bonfim, Ricardo Silva e Peixoto; Leandro Vilela e Marcelo; Thomaz (Diego Cardoso), Douglas Coutinho; Jefinho e Maranhão (Fabiano).
  • Cartões amarelos: Peixoto (2ºT – 49), Marcelo (2º T – 48), Adriano (2ºT – 33′), Sávio (2ºT – 4′); Douglas Coutinho (1ºT – 34′) e Matheus Pereira (1ºT – 16′).
  • Arbitragem: Diego Pombo Lopez; Alessandro Alvaro Rocha e Edevan de Oliveira Pereira.
Deixe seu comentário
Deixe seu comentário