Azedou: Demitido do Athletico-PR, Cuca assume culpa e presidente rebate “Traição!”

Azedou: Demitido do Athletico-PR, Cuca assume culpa e presidente rebate “Traição!”

Cuca não oferece mais serviços como técnico do Athletico-PR. O clube anunciou oficialmente sua saída após o empate sofrido nos minutos finais contra o Corinthians. A decisão foi comunicada após o treinador solicitar sua demissão devido ao resultado decepcionante, ainda no domingo. O pedido de demissão veio em meio a uma série de críticas por todos os lados: tanto de torcedores quanto da diretoria.

Pediu pra sair

Em nota oficial emitida para anunciar sua saída, Cuca afirmou que sua intenção era proteger os jogadores e assumir a responsabilidade pelo desempenho do time. Destacou que, em momentos de alta tensão, seu papel é acalmar a situação e evitar culpar os atletas. O profissional ainda expressou tristeza por abandonar o projeto em andamento e agradeceu a oportunidade de comandar o clube do coração, apesar da necessidade de mais opções no elenco.

Cobras e lagartos

Mas nem tudo foi polido quanto parece.Mario Celso Petraglia, presidente do Athletico-PR, teceu críticas públicas enfaticas ao treinador após sua demissão. Em uma declaração na sua rede social, Petraglia acusou o treinador de traição e de ter um comportamento inadequado nos vestiários após o empate com o Corinthians. 

Ele afirma que a decepção com Cuca foi a maior que já presenciou no mundo do futebol, criticando-o por transferir a responsabilidade para terceiros e por expor números financeiros do clube de maneira incorreta durante uma coletiva de imprensa.

Cuca polêmico

A carreira de Cuca é marcada por episódios polêmicos. Além de passagens por diversos clubes brasileiros, carrega uma condenação por abuso sexual de uma jovem de 13 anos na Suíça em 1987, um episódio que manchou sua imagem permanentemente, mesmo após ser inocentado pela justiça brasileira, décas depois. 

Embora não haja consenso sobre sua culpa, o episódio sempre gerou controvérsias e afeta sua carreira de forma perene: quando as coisas não andam bem, ou quando está prestes a ser contratado por um novo clube, a história sempre volta.

Pronunciamento de Cuca:

Leia a nota oficial na íntegra emitida por Cuca, através das suas redes sociais:

“Vestiário é sagrado!

Em décadas de futebol, aprendi que uma das funções de um comandante é proteger seu grupo de jogadores. Quando a temperatura está quente, meu papel é baixá-la.

Ontem precisei interferir nesse sentido. Jogadores arrasados que precisavam de acolhimento e não de mais cobranças e julgamentos.

Quando entramos na roda de oração pós-jogo, com todos desolados, não era hora de se buscar culpados. Tentaram!

Me senti obrigado a assumir toda a responsabilidade e colocar meu cargo à disposição, como forma de resguardar o grupo.

Fui convidado para um projeto grandioso no ano do centenário do Clube, e não gostaria de ter deixado o trabalho antes de concluído. O projeto sempre foi desenhado através de reuniões internas onde a comissão técnica pleiteou um grupo maior de jogadores, visto o tamanho da responsabilidade que tínhamos.

Nenhuma demanda foi feita publicamente, apenas dentro do escopo dessas reuniões, onde sempre entendi as limitações orçamentárias do clube e por isso levei opções diversas.

Antes de assumir o Athletico eu recebi outras propostas de trabalho. Inclusive, meses antes, do próprio Clube. Eu serei sempre grato pela receptividade e apoio do torcedor. A relação até a oração de ontem era mutuamente equilibrada e respeitosa. Quando aceitei o convite, o fiz honrado e com um sonho de grandes conquistas. Conheci uma estrutura única mas contava com uma construção de grupo com ainda mais alternativas.

Agradeço mais uma vez a oportunidade de poder comandar meu time do coração. Estou muito triste, mas não poderia ter tomado qualquer decisão diferente naquele momento.

Obrigado, torcedor, pela paciência e voto de confiança.

Obrigado aos jogadores que me acolheram sempre muito bem, e com quem sempre tive ótima relação.

Agradeço aos funcionários do clube por tanta gentileza comigo em com minha comissão.

Desejo sorte e vitórias ao furacão!

Como dizem os sábios: o tempo é o senhor da razão!

Acompanhe as novidades do Ahtletico-PR no X (antigo Twitter):

Henrique Costa